Concelho inicia o assalto anunciado à Gentalha do Pichel: embarga 2200€ ao centro social

Que vivemos numha cidade governada por indivíduos da extrema direita é umha realidade que em Compostela a cada pom em questom menos gente. Tam certo é isto, se calhar, como que amplos sectores da vizinhança pensam que da mao da equipa que dirige CR-11 a cidade se enfrentará nos próximos anos, agora, já, a umha involuiçom geral das liberdades democráticas, o assalto dos interesses privados ao que de público fica na instituiçom local e a evangelizaçom da vida municipal a maos de indivíduos hipócritas que girem sujos interesses terrenais e imobiliários.

O centro social A Gentalha do Pichel é um dos objectivos a abater por parte da gandalha extremista que governa hoje em Raxoi. Clausurar este centro social, afogá-lo economicamente, impossibilitar a sua actividade normalizada, criminalizar o projecto e os sóci@s, etc. constituem a agenda oculta do PP local. Nesta semana, o alcalde Conde Roa, que insulta em actos públicos activistas do 15-M ou anuncia que @s independentistas sentiremos o seu alento “na caluga”, dá um novo passo adiante para afogar o centro social da rua Sta. Clara com o embargo de 2200€ ao centro social.

Publicamos a continuaçom o posicionamento público d’A Gentalha do Pichel ante esta nova agressom das autoridades locais, à vez que convidamos a vizinhança a dar-lhe a máxima difusom por todas as vias possíveis:

A Cámara Municipal de Compostela embargou ontem mais de 2200 euros da conta da Gentalha do Pichel, com motivo da multa de 1800 que lhe impugera há dous anos por pendurar umha faixa na cacharela de Sam Joam, mais taxas. Fijo-o sem comunicaçom prévia e apesar de que o recurso interposto pola nossa associaçom está ainda sem ressolver, à espera do juízo que se celebrará em abril do ano que vem.

A continuaçom oferecemos-vos a nota de imprensa da Gentalha.

EMBARGAM A CONTA DA GENTALHA DO PICHEL. O COLECTIVO INTERPOM RECURSO À SANÇOM DE MAIS DE 2.000 € POR PENDURAR UMHA FAIXA NA VIA PÚBLICA

Continuam as pressons e o afogamento económico da associaçom o que dificulta o desenvolvimento da sua atividade.

Compostela, 13 de dezembro de 2011

Em junho do 2010 a associaçom cultural a Gentalha do Pichel era sancionada pola Cámara Municipal de Compostela com umha multa de 1500€ por colocar umha faixa na praça na qual se celebrava a cacharela de sam Joám na que se podia ler “na galiza só em galego”; e 300 € por exceder, supostamente, o horário permitido. A associaçom cultural, asesorada por um advogado, decidiu recurrir a sançom que limitava a liberdade de expressom (ainda que a versom das autoridades municipais é que a colocaçom da faixa constituia um delito de “ocupaçom indevida da via pública”). Nom sobra lembrar que esta sançom esta imposta polo anterior bipartito e ejecutada polo actual governo municipal

Daquela, a associaçom cultural manifestava o carácter repressor e ideológico da sançom. De facto, na altura, com motivo dos mundiais de futebol centos de bandeiras espanholas penduradas em janelas e varandas e as celebraçons de fanáticos impedindo o tránsito polas ruas da cidade até altas horas da madrugada com as praças cheias nom merecerom a mesma sançom. Ao contrario, forom publicitadas e aplaudidas, já que isso, para os poderes locais nom parecía ser “ocupaçom indevida da via pública”. Por nom falar do despilfarro propagandístico do fracasso da visita papal e do despregue de todo tipo de faixas por toda a cidade que a acompanhou. A reflexom deste colectivo é clara: vivemos numha cidade postal, na qual só é legal aquilo que agrada aos turistas; a dissidência de pensamento tem preço.

Apôs apresentar dous recursos, que o concelho nom tivo em consideraçom, a Gentalha recurriu à via judicial. O juiço terá lugar o próximo mês de abril mas hoje, quando um sócio foi levantar dinheiro para fazer os pagamentos mensais comprovou como a conta sofrera um ’embargo judicial’. Deste modo o Concelho decidiu nom esperar a que se resolvesse a sentença e mostrar mais umha vez o abuso de poder do que é capaz, enchendo as suas arcas antes do Natal.

Anexamos a multa que chegara entom e as provas da solicitude para colocar a faixa. 

 

One thought on “Concelho inicia o assalto anunciado à Gentalha do Pichel: embarga 2200€ ao centro social

  1. Pingback: Candidatura do Povo convida a asociarse á Gentalha do Pichel ante as tentativas municipais de desestabilización do proxecto | candidaturadopovo

Deixar unha resposta

introduce os teu datos ou preme nunha das iconas:

Logotipo de WordPress.com

Estás a comentar desde a túa conta de WordPress.com. Sair / Cambiar )

Twitter picture

Estás a comentar desde a túa conta de Twitter. Sair / Cambiar )

Facebook photo

Estás a comentar desde a túa conta de Facebook. Sair / Cambiar )

Google+ photo

Estás a comentar desde a túa conta de Google+. Sair / Cambiar )

Conectando a %s